A insistência de Tite

Hoje teremos um grande desafio pela frente. Um jogo importante e decisivo. O Corinthians entra em campo com um único objetivo: vencer. Após a vitória do Independiente Santa Fé sobre o Cobresal, a pressão caiu sobre o Timão. Tite sabe disso, e escalou o que tem de melhor. Será? 


Maycon fez boas partidas, substituiu bem a Elias e terá, frente a massa corinthiana, a maior chance de sua carreira. Será sua estréia na Libertadores. Luciano, ainda um pouco sem ritmo é, sem dúvida, um grande atacante. Chuta bem de todos os lados do campo, e vinha fazendo um ótimo campeonato brasileiro até se machucar. Além de Luciano, Maycon também voltou de uma séria contusão. Ambos entrarão em campo respaldado pela torcida, que trata os dois jogadores como xodó. 


Até aqui tudo bem. Mas a preocupação da nação corinthiana está no meio de campo e na defesa. Tite insiste em Bruno Henrique, que vem jogando muito mal. Erra passes fáceis e comprometeu, em muito, os últimos jogos em que atuou como titular. Yago vem de altos e baixos e teve uma péssima atuação diante do Cerro Porteño no jogo de ida. Para contrariar, Balbuena fez sua melhor partida com a camisa do Corinthians contra o Botafogo de Ribeirão Preto, desarmando, marcando e ganhando jogadas complicadas com maestria. 


Além disso ainda temos Uendel, que parece não estar bem. Guilherme Arana, seu reserva imediato vem atuando bem melhor. Mas Tite irá insistir em jogadores por "merecimento". Não estamos dia-a-dia nos treinos do Corinthians, mas uma coisa é certa: Willians está jogando melhor que Bruno Henrique, Arana é mais consistente na marcação, e vem se arriscando bem no ataque e Balbuena voou em campo no último jogo. 


A nós, torcedores, nos resta torcer. Pela vitória, pelo time e para que Tite acerte, mesmo quando achamos que ele erra. Esta noite, teremos que ganhar. Vai Corinthians!

Fonte:

Top News do Funil do Timão